Menu:

 
  

Cadeira 16
Ladário de Souza Coentro

Biografia

Nascido na cidade paraibana de Campina Grande, a conhecida Rainha da Borborema, o nosso homenageado desde a sua juventude adotou o Recife como a segunda terra natal. Na capital pernambucana realizou seus estudos secundários no tradicional Colégio Salesiano. Desde esta época sempre se constituiu num autêntico desportista. Foi casado com Ivete Sá de Souza Coentro, com quem teve três filhas: Mônica Coentro Moraes, Maria de Fátima Magalhães e Maria Hosanete Coentro Leal. No ano de 1955, ingressou na Escola Superior de Veterinária da URP, onde cursou os dois primeiros anos de Faculdade, transferindo-se, em seguida, para a Escola Nacional de Veterinária da Universidade Rural do Brasil, no Rio de Janeiro, diplomando-se em Veterinária no ano de 1958. Ainda nos bancos acadêmicos ficou fascinado pela carreira de Sanitarista, razão pela qual já em 1959, conquistou o título de Especialista em Saúde Pública pela Faculdade de Higiene e Saúde Pública da Universidade de São Paulo.Este passo foi decisivo em sua brilhante carreira, hoje respalda em um currículo do mais alto nível, obtido mediante a sua participação em vários cursos, estágios e conclaves, realizados no Brasil e no Exterior, os quais em seguida enumeramos: Curso de Zoonoses pela Universidade Rural do Brasil (RJ) em 1960; Cursos de Métodos de Laboratório para o Diagnóstico da Varíola pelo Instituto Adolfo Lutz (SP) em 1967; Curso de Elaboração e Controle de Vacinas Anti-Rábicas de Uso Humano pelo Instituto Osvaldo Cruz (RJ) em 1970 e Estágio sobre Técnicas de Preparo e de Controle das Vacinas Anti-Rábicas de Uso Humano no Instituto Butantã (SP) em 1970 para citar apenas alguns. Importante tem sido ainda sua participação em Congressos e Reuniões Científicas, destacando-se o Seminário Internacional sobre Produção e Controle de Vacinas Anti-Rábicas, em Buenos Aires, Argentina, em 1969; o 3° Seminário sobre Ensino de Medicina Veterinária Preventiva e Saúde Pública em Escolas de Medicina Veterinária , em Lima, Peru, em 1967; o Seminário sobre Técnicas de Controle da Raiva, no Instituto Pasteur, em São Paulo, em 1972; o Seminário sobre Normas e Técnicas de Produção e controle de Vacinas e Soros de Uso Humano no Brasil, em Brasília, em 1974 e os Congressos Brasileiro e Internacional de Medicina Veterinária em Língua Portuguesa, realizado em Camboriú-SC, no ano de 1982. Toda essa bagagem técnico-científica vem sendo colocada à disposição de órgãos públicos, a nível estadual e federal, considerando que o Prof. Ladário Coentro exerceu atividades na Secretaria de Saúde de Pernambuco, onde sempre prestou inestimável colaboração, destacando-se o seu trabalho junto ao Laboratório de Produção de Vacinas Anti-Rábicas e do Biotério da FUSAM. No âmbito federal, dedicou-se ao Magistério Superior junto ao Departamento de Medicina Veterinária da UFRPE, na qualidade de Professor Adjunto, tendo obtido o seu Grau de Doutor e Livre-Doente, mediante concurso público de Provas e Títulos, na área de Saúde Pública. No Departamento respondeu pela Supervisão da Área de Medicina Veterinária Preventiva e Saúde Pública, além de compor o Conselho Técnico Administrativo da referida Instituição de Ensino. Face a sua grande identificação com a problemática do ensino frequentemente é solicitado para proferir palestras, além de por inúmeras vezes ter sido motivo de homenagens por turmas de formandos de Médicos Veterinários da UFRPE. Por diversas oportunidades figurou em Bancas Examinadoras de Concursos Públicos ocorridos em nossa Universidade. No campo da pesquisa emprestou sua contribuição através da publicação de artigos científicos, dentre os quais destacam-se: “Evidenciação de uma Epidemia de Poliomielite no Município do Recife”, publicado nos Anais da Escola Superior de Veterinária da UFRPE e “Estudo sobre uma nova Vacina Anti-Rábica para Pernambuco”, Tese de Livre-Docência. Junto aos órgãos de classe também marcou presença, pois, além de sócio efetivo da SPEMVE, colaborou em inúmeras programações da entidade. Desempenhou o cargo de Conselheiro (1981-1984) e posteriormente Presidente, em dois mandatos, no período de 1984 a 1987, do Conselho Regional de Medicina Veterinária – 11ª Região, tendo sido construído na primeira gestão, o atual prédio do CRMV-PE. Faleceu no Recife em 18 de novembro de 1992.